Adriana Esteves se emociona em coletiva de 'Amor de Mãe'

Por Redação em 25/02/2021 às 13:39:57

A segunda fase de Amor de Mãe estreia dia 1 de março com a volta de tantas histórias que amamos acompanhar. Para celebrar a data, parte do elenco da novela marcou presença na segunda coletiva de imprensa para falar sobre pandemia, desafios e seus personagens. Adriana Esteves não escondeu a emoção ao falar sobre o retorno das gravações e ao relatar a vontade de abraçar os colegas de cena:

"Eu tenho uma impressão de que a gente não largou a novela, não. A gente ficou com o personagem guardadinho na gente e que a gente voltou com mais entusiasmo e com muita vontade de contar essa história. É tão bom a gente ver um trabalho inédito entrando. É um prazer poder proporcionar um entretenimento para quem está em casa", contou, enquanto se emocionava.

Adriana ainda lembrou do reencontro dela com Chay, que vive seu filho Danilo na trama:

"O primeiro dia que eu e o Chay nos vimos, na cidade cenográfica, a gente ficou com uma distância, uma dor no coração de não poder se abraçar. A gente se abraçava com a impossibilidade de se abraçar. Foi muito difícil."

Seguindo todos os protocolos de segurança por conta do coronavírus, as gravações tiveram muitas mudanças necessárias. Adriana contou que sentiu o impacto ao colocar os pés nos sets e perceber todas essas transformações:

"O primeiro dia em que a gente pisou no estúdio que era lotado e estava reduzido, deu uma solidão. Mas isso também deu uma onda bem grande e a vontade de fazer. E como não existe o ideal e nem o perfeito, as coisas aconteceram de uma forma muito espontânea e verdadeira."

A atriz também falou sobre as atitudes exageradas de Thelma, uma das personagens mais intensas da sua carreira:

"O individualismo dela e o egoísmo dela destroem o próximo e a ela também. Ela se cegou e ficou uma pessoa doente. Ela se torna uma pessoa doente e o filho o tempo inteiro generoso e o oposto disso. Correndo atrás, entendendo e amando ela. Eu aprendi a denunciar o perigo da nossa loucura individualista e egoísta."

Quem também falou sobre a expectativa para voltar às gravações foi Chay Suede, que interpreta Danilo. O ator revelou que ficou ansioso para voltar a dar vida ao filho de Thelma.

"Eu ficava me perguntando como eu ia voltar a viver o personagem. E a gente voltou para o set e as coisas voltaram, magicamente. Ou seja, ele estava guardado em algum lugar. A minha cabeça estava em outro lugar no momento do isolamento, mas eu tinha ele ali, guardado."

Taís Araujo fez coro com Chay e contou durante o evento que não via a hora de voltar a mergulhar de cabeça no papel de Vitória:

"E a gente tinha muito o desejo de voltar. Dava uma esperança de que se a gente estivesse voltando a vida estava também. E não. Então essa vontade foi um motor muito importante."


Comunicar erro

Comentários