O superastro Amr Diab volta às telas em nova série da Netflix

Netflix fecha acordo colaborativo inédito com Amr Diab

Por Redação em 19/08/2020 às 11:00:00

A Netflix, o maior serviço mundial de entretenimento pela internet, anunciou uma nova série original árabe com o astro internacional Amr Diab, também conhecido como "Al Hadaba". O novo acordo marca o retorno de Amr Diab às telas 27 anos depois de interpretar Adham no filme "Dehk Wele"b Wegad Wehob", ao lado de Omar Sharif. Amr Diab é vencedor de sete World Music Awards e seis African Music Awards.


"Há 30 anos, Amr Diab vem conquistando fãs em todo o mundo. É um ícone cuja música e talento encantam diferentes gerações. Temos certeza de que o retorno de Amr Diab às telas nesse novo projeto vai agradar seus fãs e os assinantes da Netflix", afirmou Ahmed Sharkawi, diretor de séries árabes originais da Netflix.


Amr Diab também afirmou estar muito feliz por trabalhar com a Netflix no novo projeto. "Sempre achei que a arte é uma língua global e, com a música, conseguimos criar pontes e conexões com diferentes culturas. Agora, nesse novo projeto, poderemos alcançar mais de 193 milhões de assinantes em mais de 190 países, que terão acesso a um novo conteúdo produzido no Egito."


Desde o começo, a carreira de Amr Diab na música foi marcada pela excelência. Seus álbuns fizeram sucesso em inúmeros países e muitas de suas músicas foram traduzidas para diversos idiomas. Cinco de seus álbuns tiveram canções na lista das dez mais tocadas da Billboard em todo o mundo e, ao longo da carreira, ele angariou vários prêmios internacionais, além de ter entrado para o Guinness como o cantor árabe com o maior número de prêmios internacionais por vendas no Oriente Médio.


Em 2014, Amr Diab tornou-se o único cantor árabe a receber o World Music Awards em três categorias diferentes: Melhor Artista Egípcio, Melhor Artista Árabe Masculino e Álbum Árabe Mais Vendido (El Leila). Amr também foi indicado na categoria Melhor Artista Árabe Masculino do Mundo. Seu sucesso continua até hoje e, em 2019, ele recebeu o Joy Awards na Arábia Saudita.

Comunicar erro

Comentários