'Chaves': Série que ficou 36 anos no ar, se transformou numa 'marca' da emissora

Por Rodrigo Felício em 15/08/2020 às 13:00:00

Pensar na grade de programação do SBT e não pensar em "Chaves" é quase um crime. Coringa de Silvio Santos, a serie foi reprisada à exaustão, mas sempre trilhou um caminho de sucesso.

Com um humor atemporal e ingênuo, que parece inerente ao tempo, os episódios sempre que requisitados, alavancavam a audiência da emissora. Tanto que as saída dela da grade, que aconteceu no final de julho desde ano, pegou todo mundo de surpresa.

Mas vamos relembrar.

"Chaves" foi exibido pela primeira vez no SBT em 24 de agosto de 1984. Não era um espaço próprio ainda na emissora. Foi uma das atrações do programa infantil "TV Powww!" daquele dia. O programa era um game que contava com a participação ao vivo de crianças ao telefone. Entre uma brincadeira e outra, Chaves e sua turma, pela primeira vez, tinha contato com o público brasileiro. E não iria parar por ali.

Depois, a série passou a ser exibida no programa do palhaço "Bozo". Apesar de inicialmente não ter agradado a direção do SBT, que tinha apenas 17 episódios para exibição, o sucesso junto ao público foi enorme e não demorou muito para "Chaves" e "Chapolin" ganharem espaço próprio na grade de programação do SBT. Com audiência em alta, chegou a ser exibido em horário nobre durante os anos 80.

"Chaves" é um daqueles programas que conheceram cada espaço da grade do SBT. Seja de madrugada, nas manhãs, horário de almoço, tarde e noturno. Ele passeou por todos os horários. Em meados dos anos 2000 deixou de ser diário.

Por ironia do destino, três dias antes de sair do ar definitivamente, a emissora havia voltado a exibi-lo em suas tardes, as 14h15.

Por conta de uma disputa judicial entre a Televisa e o Grupo Chesperito (da família do criador da série), todos os contratos de exibição mundo a fora foram suspensos, inclusive os do SBT e do Multishow (que exibia no Brasil na TV fechada).


E LOGO MAIS TEM MAIS UMA MATÉRIA ESPECIAL DOS 39 ANOS DO SBT.... PARA ACOMPANHAR AS OUTRAS MATERIAS ESPECIAIS QUE PRODUZIMOS, CLIQUE AQUI!

Comunicar erro

Comentários