Portal de Notícias Administrável desenvolvido por Hotfix

Escracho

'Ratinho' dos anos 60, Dercy Gonçalves reinou no horário nobre da Globo enfrentando a censura, falando palavrões e causando dor de cabeça no departamento comercial


"Ratinho" dos anos 60, Dercy Gonçalves reinou no horário nobre da Globo enfrentando a censura, falando palavrões e causando dor de cabeça no departamento comercial"

TÍTULO
"Dercy de Verdade"

GENERO
Entretenimento

SUB-GÊNERO
Auditório

APRESENTADOR
Dercy Gonçalves

DIREÇÃO
João Loredo

EMISSORA
TV Globo

EXIBIÇÃO
04 de agosto de 1967 à junho de 1970

SINOPSE

Com a participação do auditório, Dercy Gonçalves entrevistava artistas e personalidades, realizava gincanas com prêmios para o público e apresentava atrações musicais de grandes artistas.


As grandes pautas da sociedade eram tratadas no programa, que sempre contou com a sinceridade e o jeito direto e desbocado de Dercy Gonçalves. Assuntos curiosos como, por exemplo, um homem que vivia com dois pâncreas, eram apresentados para o público.

Dercy ainda apresentava esquetes de humor para divertir o público.


BASTIDORES

Dercy Gonçalves era uma das grandes estrelas da TV.

Uma versão do "Ratinho" dos anos 90, em pleno final dos anos 60.

O "Dercy de Verdade" foi criado para substituir o teleteatro "Dercy Comédias". Era exibido ao vivo, sempre às segundas-feiras, diretamente de São Paulo, às 20h. A partir de janeiro de 1969, foi exibido a partir das 20h30.


No dia 22/09/1969 o programa "Dercy de Verdade" foi punido pela Censura Federal com 15 dias de suspensão. Segundo os censores, a atração desrespeitou os artigos 12 e 18 do Decreto 61123, de 1° de agosto de 1969, que proibiam alterações em programas já aprovados pela Censura.

O programa causou ainda alguns desgastes de anunciantes com a emissora. Isso porque, "sincerona", Dercy chegou a dizer que "Coca-Cola era ruim" e que não acreditava no Banco Nacional de Habitação (BNH) e que ele "era uma merda". Ambas empresas eram grandes anunciantes da TV Globo na época.

Depois do fim do programa, Dercy ficou quase 20 anos fora da Globo, retornando apenas no final dos anos 80 para participar da novela "Que Rei Sou Eu?" (1989).

Dercy faleceu em 19 de julho de 2008. Na época era contratada do SBT.

Em 2012 a Globo produziu a minissérie "Dercy de Verdade", escrita por Maria Adelaide Amaral, que contou a história da artista.


Dercy de Verdade Dercy Gonçalves Ratinho

Assine o Portal!

Receba as principais notícias em primeira mão assim que elas forem postadas!

Assinar Grátis!

Assine o Portal!

Receba as principais notícias em primeira mão assim que elas forem postadas!

Assinar Grátis!