'A Deusa Vencida' - Capítulo 06: 'A Caça à Raposa'

Por Redação em 27/10/2021 às 19:00:00

A "caça à raposa", no fundo, nada mais era do que um pretexto para se cavalgar. Era assim: sorteava-se um cavaleiro para fazer o papel de "raposa". Ele partia na frente e os outros lhe davam uma boa vantagem. A "raposa" deveria deixar rastro: galhos quebrados, pedaços de papel, marcas no chão. Os "caçadores" perseguiam a "caça" pelos arredores de São Paulo até encontrá-la.

Edmundo (Tarcísio Meira), Cecília (Glória Menezes) e seus companheiros enveredaram pela rua São Joaquim e deram início à brincadeira. A "caça" partiu, entrou por uma travessa da rua e desapareceu no bosque. O bando saiu atrás, atento ao mais leve sinal da passagem da "caça". Às vezes um indício falso os desviava da trilha certa e, então, voltavam ao ponto de partida para tentar um novo caminho.

E era uma alegria quando alguém encontrava uma pista. Seguiam na direção indicada até surgir o obstáculo seguinte. Ora se dividiam em grupos menores, ora em duplas e exploravam várias direções ao mesmo tempo, para facilitar a busca.

Edmundo dava as ordens e era prontamente obedecido. O grupo inteiro se dispersou e Cecília se viu, de repente, só, em companhia de Edmundo. Trocaram um olhar cheio de amor.

"Dona Cecília Maciel, como a senhora é linda", brincou Edmundo, descendo do cavalo.

Ele ajudou Cecília a apear e prendeu as rédeas numa árvore. Deveriam esperar ali: quem encontrasse uma pista voltaria para relatar e os demais seriam chamados de volta pelo som de uma trompa. Edmundo se achegou a Cecília. Pegou-lhe a mão.

"Meu amor, conto os dias que faltam para nosso casamento."

"Edmundo, meu bem, minha vida, quando estou com você tudo o mais deixa de existir para mim. Só vejo você, só sinto você, só quero você!"

"Como o amor pode ser profundo, meu amor, e como é profundo meu amor por você! Eu vivo para você, respiro para você, penso para você... sou para você!"

Eles se beijam com muito amor. Com o amor grande dos verdadeiros apaixonados.

Risadas sonoras e um tropel de cavalos indicavam que a pista fora encontrada. Edmundo ajudou Cecília a montar o Tufão. Passou-lhe as rédeas e montou também. A trompa soou e minutos depois o grupo já estava novamente reunido.

Eram onze horas quando chegaram ao ponto de encontro, no Parque. Encontrara a "raposa" dando boas gargalhadas por ter conseguido enganar a todos.



Continua...

Não perca a próxima parte deste grande sucesso da TV, a novela "A Deusa Vencida", de Ivani Ribeiro. Capítulos todos os dias (de segunda à sexta), às 19h.

Para conferir todos os capítulos e seguir a ordem cronológica – VALE A PENA – CLIQUE AQUI!

· As imagens deste capítulo são cenas da novela;

· Capítulo extraído da coleção "Telenovelas Famosas" com original de Ivani Ribeiro, adaptado por Saveiro Jr.